15 novas tecnologias que serão populares em breve

Confira nesta dica a lista, proposta pelo Blog Spotniks, dos principais avanços tecnológicos que, em breve, se popularização pelo mundo. A roda da evolução não para de girar!

O avanço da ciência e da produção em massa nos últimos anos permitiram a popularização de tecnologias nunca antes imaginadas e um crescimento exponencial do poder de processamento dos computadores. As próximas maravilhas tecnológicas já estão em teste e algumas já estão disponíveis para compra pelo consumidor final.

TECNOLOGIAS “VESTÍVEIS”

Óculos, relógios e até camisetas. A tecnologia que pode ser “vestida” chegou com tudo e está fazendo coisas incríveis, como tirar o celular do bolso para ver as horas obsoletas. A Google está apostando forte nesse mercado, com o Google Glass, um óculos inteligente, disponível no momento apenas para desenvolvedores. Apesar de ainda ser considerado incômodo e pouco prático por muitos usuários, o Google Glass é uma prévia do que o futuro nos reserva. No fundo, o aparelho ainda não faz nada que seu smartphone também não faça, porém de forma muito mais prática. Você nunca mais terá de se preocupar em perder aquela cena inusitada porque não conseguiu abrir a câmera do celular a tempo.

As tecnologias vestíveis não são exclusividade das grandes corporações. Desenvolvedores independentes também estão apostando no setor emergente e um exemplo são as camisetas inteligentes. Uma delas mede o sinal do Wi-Fi por onde passa. Ainda que pareça um tanto inútil e não convencional, a camiseta pode ser um esboço do que poderemos encontrar nas lojas daqui uns anos. Camisetas que mudam de cor com um toque, blusas onde o punho reproduz dados de GPS ou um espelho da tela do seu smartphone… As possibilidades são infinitas.

Tecnologias Vestíveis

TECNOLOGIAS INTEGRADAS AO CORPO

Tecnologias Integradas ao Corpo

Para que vestir a tecnologia se ela pode ser totalmente integrada ao seu corpo? Os recentes monitores de frequência cardíaca anunciados pela Apple e pela Samsung em seus últimos smartphones ainda são pouco práticos, mas a Google está investindo em algo além: uma lente de contato que monitora os níveis de glicose do usuário. Muito já se especula sobre a invenção e alguns apostam que a pesquisa é parte de um projeto para criar uma espécie de Google Glass em formato de lente de contato, embora nada ainda tenha sido confirmado. Ainda assim, a lente já tem grande utilidade, principalmente para diabéticos e, na medida em que a tecnologia avançar, outras pessoas que sofrem de doenças que necessitam de monitoramento em tempo real, como hipertensos.

Além dos projetos concretos, também existem especulações de projetos possíveis, que vão desde tatuagens com NFC (nanotecnologia) integrado ou implantes que monitoram os batimentos cardíacos e alertam quando um ataque cardíaco estiver na iminência de acontecer.

ÁGUA REALMENTE PURA

Somente 3% da água do planeta é doce e boa parte da população mundial ainda não tem acesso à água potável. Para solucionar esse problema, Mikkel Vestegaard Frandsen, CEO da companhia que leva seu sobrenome, trabalhou no desenvolvimento do LifeStraw, um tubo que purifica água. O tubo contém diversos filtros e é capaz de transformar água barrenta em água potável em questão de segundos. Além da versão tradicional, a companhia também desenvolveu o LifeStraw Family, uma versão maior e com capacidade para oferecer água para uma família de 5 pessoas por um período de 3 anos. Nada mal, hein?

Ainda existem projetos para dessalinizar os 97% restantes da água do planeta, embora numa escala pequena. Mas, especula-se que até 2.030 projetos em escala industrial estejam disponíveis para resolver esse problema. Se a humanidade conseguiu chegar até os tempos atuais consumindo somente 3% da água do planeta, ter à disposição um volume de recursos hídricos 32 vezes maior poderá garantir a vida de centenas de gerações futuras.

Água realmente pura

CASAS INTELIGENTES
Casas Inteligentes

Refrigeradores com monitores que alertam quando um item está em falta já são realidade, mas o futuro promete mais: casas inteiras realmente inteligentes. Portas que abrem com tags NFC, espelhos que viram monitores, smartphones que alertam quando você não deve comer algo açucarado porque seus níveis de glicose já estão altos…

A integração dessas diversas tecnologias deverá criar casas que se comunicam com seus moradores e tornam tudo mais fácil. Pra Jetson nenhum botar defeito...

REALIDADE VIRTUAL

Projetos como o Oculus Rift prometem transformar a maneira como nos comunicamos com a realidade. Ainda em fase de testes, o projeto é constituído de um monitor em formato de óculos com diversos sensores de movimento. Simples e eficiente, o óculos de realidade virtual pretende dar ao usuário sensação de estar em contato com um novo universo. É possível viajar para Paris sem sair do sofá ou jogar videogame numa experiência totalmente nova e imersiva.Realidade Virtual

COMPUTADORES MOVIDOS PELO CÉREBRO

Computadores Movidos pelo Cérebro

Estes não são exatamente uma novidade – pessoas com paralisia já usam há anos capacetes que transformam impulsos elétricos em movimentos numa tela. O desafio, porém, está em reduzir o tamanho e o custo destes capacetes. Com isso, a tecnologia poderia facilmente substituir os mouses e quem sabe, até as telas de toque.

A integração entre uma interface de comando acoplada ao cérebro e uma lente de contato inteligente é uma promessa da ciência para os próximos anos. As utilidades de um computador conectado diretamente ao corpo vão desde uma maior integração social até o monitoramento em tempo real da saúde – mas brechas de segurança nesses dispositivos podem tornar possível um monitoramento de parte dos pensamentos dos usuários.

IMPRESSORAS 3D

Essas já são uma realidade, porém ainda há muito espaço para a evolução. Impressoras 3D com uma gama maior de materiais podem transformar qualquer indivíduo num artesão ou fabricante de peças industriais – sim, a revolução dos meios de produção está chegando.
Além do plástico, alguns materiais como titânio já podem ser moldados por impressoras especiais, o que permite a criação de próteses de ossos. No futuro, os médicos esperam poder fabricar órgãos a partir da impressão tridimensional de vasos e tecidos, o que tornaria os transplantes mais baratos, rápidos e sem riscos de rejeição.

Com impressoras que fabriquem artefatos a partir de metais ou borracha, qualquer um com um computador e acesso à internet poderia fabricar reparos para torneiras ou janelas. Os mais criativos poderiam desenvolver até mesmo seus próprios designs de janelas e revender – ou revenderem o modelo 3D para ser impresso por pessoas que também possuíssem tais impressoras. As possibilidades são infinitas.

Impressoras 3D

SERVIÇOS UNIVERSAIS
Serviços UniversaisSeguindo a tendência de descentralização dos profissionais, a internet poderá num futuro próximo transformar qualquer um que disponha de algum bem ou espaço num locador. Atualmente, serviços como o Uber e o AirBnb já nos trazem um gostinho desse futuro, mas a expectativa é que serviços assim se expandam para as mais diversas áreas e quem sabe, integrem-se com as impressoras 3D. Encomende a impressão de uma caneca com seu nome. Contate alguém que possua moto para trabalhar temporariamente como motoboy e busque uma encomenda em outro bairro. Agende aulas particulares com um morador da sua vizinhança que domina um assunto e possui tempo livre… Existe uma ampla gama de produtos e serviços que podem atender demandas existentes apenas com um toque no celular.

A legislação, porém, pode ser um problema: pela lei atual, no Brasil, atividades remuneradas informais podem ser consideradas ilegais. Sem uma flexibilização nas leis que regulamentam o mercado, as novas tecnologias poderão encontrar dificuldades para avançar.

ENERGIA SEM FIO

Foi no final do século XIX, quando Nikola Tesla apresentou ao mundo seus experimentos com a transmissão de energia sem fio. De lá pra cá, as invenções nesse sentido pouco avançaram. O mais próximo de uma energia sem fio que temos hoje são carregadores de celular que dispensam fio e transmitem eletricidade somente com o contato entre o carregador e o aparelho – sem fio, porém, ainda necessita de contato.

Mas a possibilidade em ser a pioneira na transmissão de energia sem fio tem animado muitas indústrias a investirem neste setor emergente que tem potencial para transformar o mundo que conhecemos hoje.

Energia Sem Fio

ENERGIA RENOVÁVEL EM TODA PARTE
Energia Renovável em Toda Parte

Se a transmissão de eletricidade ainda não é uma realidade, por outro lado, a extração de energia a partir da luz solar já é. Nesse sentido, pesquisadores da Universidade de Notre Dame (Estados Unidos) estão desenvolvendo uma tinta capaz de captar a energia solar quando em contato com qualquer superfície condutora de eletricidade. Assim, para obter energia limpa, bastará somente pintar um telhado ou parede de metal da sua casa no futuro. Com o avanço, a tinta poderia até mesmo ser aplicada em smartphones ou notebooks, tornando os aparelhos autossuficientes na captação de energia, eliminando ou pelo menos diminuindo a necessidade do constante contato com o carregador.

CARROS ELÉTRICOS E INTELIGENTES

Dirigir e parar em postos de combustível serão coisa do passado. Carros movidos por computadores podem te levar para o outro lado da cidade sem que você precise tocar no volante. As vantagens de um carro automático vão muito além da facilidade de não dirigir: dados em tempo real transmitidos por outros carros poderão evitar colisões e outros acidentes; além disso, sensores de direção trarão mais estabilidade para o veículo. Enquanto isso, o passageiro poderá dedicar-se a tarefas mais produtivas ou simplesmente conversar ao celular com amigos e parentes.

Carros Elétricos e Inteligentes

DRONES
Drones

Drones são um tema polêmico. Enquanto governos usam os pequenos aviões para matar inocentes, empreendedores estão aplicando o mesmo conceito para o transporte de mercadorias. Entre as vantagens destaca-se a rapidez e a precisão – um drone não pega congestionamento e pode adentrar terrenos mais íngremes. Além das aplicações logísticas, os aviões não tripulados são uma interessante ferramenta de monitoramento aéreo de baixo custo. Com câmeras e sensores, é possível até mesmo determinar as condições climáticas de uma região de mata preservada, sem precisar adentrar o terreno.

MENOS POLUIÇÃO

As mídias físicas estão sendo pouco a pouco substituídas por downloads digitais. Isso significa menos lixo acumulado nos lixões. Hoje, um HD de 1Tb armazena o equivalente à cerca de 1400 CDs, ocupando um tamanho muito menor: ou seja, menos lixo. O armazenamento em nuvem também poupa o meio ambiente: ao armazenar documentos num servidor, você poupa papel. E com a vantagem de que o espaço pode ser reutilizado milhares de vezes, enquanto o papel só pode ser utilizado uma única vez. Claro que, os processos de produção de HDs e chips não são totalmente limpos. Apesar disso, com o avanço da tecnologia estamos armazenando cada vez mais dados num mesmo espaço: se antes a capacidade máxima de um HD não passava dos 80Gb, hoje já existem HDs na capacidade de mais de 3Tb (3.000 Gb). E o processo de fabricação é basicamente o mesmo.

Mas as inovações no armazenamento de dados não param por aí. Cientistas já estão estudando formas de usar cadeias de DNA para o armazenamento de dados, o que expandiria a capacidade das unidades de armazenamento para as centenas de terabytes, enquanto o tamanho reduziria drasticamente.

Menos Poluição

COMPUTAÇÃO QUÂNTICA
Computação Quântica

Nossos computadores ainda são os mesmos da década de 50: pequenos transistores que realizam ou impedem a passagem de um circuito elétrico – o código binário. Mas isso está para mudar. Os próximos computadores aplicarão as leis da mecânica quântica para processar dados, o que lhes garantiria uma capacidade de processamento milhares de vezes superior aos computadores binários atuais. Atualmente, o computador comercial mais próximo dos futuros quânticos é o D-Wave, um computador com funcionamento quântico, porém ainda bem limitado a alguns problemas matemáticos específicos. De certa forma, a máquina já tem demonstrado avanços, resolvendo alguns problemas com uma velocidade até 33 mil vezes superior a dos computadores atuais.

A computação quântica levará o mundo que conhecemos para outros patamares. Com o desenvolvimento da criptografia quântica, a internet se tornará mais segura do que nunca, enquanto o poder de processamento de supercomputadores caberá na palma da mão, literalmente.

GRAFENO

Grafeno é a nova aposta da indústria para substituir tudo que temos hoje. Silício, plástico, ferro, baterias… O material é conhecido pela sua capacidade de ser extremamente leve e resistente – talvez o material mais eficiente nessas características já conhecido pelo homem. Capacitores de grafeno poderiam, teoricamente, carregar baterias em questão de segundos. Antenas de grafeno seriam capazes de transmitir Terabits de dados em poucos segundos. Óxido de grafeno é capaz de remover compostos radioativos. Telas com grafeno na composição podem ser mais finas, resistentes e flexíveis que as atuais. Uma simples placa de grafeno pode produzir fones de ouvido minúsculos com frequência próxima a de equipamentos profissionais.

Tudo isso parece ficção e talvez até exista uma boa dose de especulação por trás do material. Mas ninguém pode negar que ele trará uma revolução na forma como a tecnologia funciona, ainda que a eficiência seja menor que a especulada. Resta apenas descobrir uma forma de fabricá-lo em larga escala.

Grafeno