Aumentando a Vida Útil de Seu Notebook

Os notebooks estão com custos cada vez mais acessíveis, mas a manutenção ainda continua cara. Fica, então, a dúvida: “O que fazer para meu notebook durar mais tempo?”. Confira algumas dicas e truques para diagnosticar a saúde do seu notebook, avaliar a temperatura, conservar as telas de LCD e o teclado. As informações podem ser úteis para micros de mesas. O foco é o aumento da vida útil dos equipamentos.


MONITORANDO A TEMPERATURA

Muitos técnicos utilizam o SETUP da máquina para medir a temperatura do computador. Esta não é a melhor opção, pois é no SETUP que o processador está em seu estado mais ocioso. Assim, para uma monitoração adequada, o ideal é utilizar o HWMonitor, que é um programa leve, rápido, eficiente e sem necessidade de instalação (é uma boa opção, por exemplo, mantê-lo no pen drive).

Para medir a temperatura, basta executar todas as tarefas que você faz diariamente com o HWMonitor minimizado. Após algum tempo de uso, verifique as temperaturas máximas que foram registradas pelo programa.

Para fazer o download do programa, acesse o site: http://www.baixaki.com.br e procure "HWMonitor".

ANALISANDO A TEMPERATURA

A análise da temperatura é bem simples:

  1. Se os componentes estiverem abaixo dos 60º, não precisa se preocupar, seu notebook está saudável.
  2. Até os 65º, pode-se usá-lo, mas é bom procurar uma solução para a diminuição da temperatura.
  3. Se o notebook estiver acima dos 65º, o recomendado é uma rápida pesquisa na internet sobre os limites do notebook (específicos da marca e modelo). Para exemplificar uma especificação, considere que o modelo X (hipotético) tenha um limite de operação 96º. Essa é a temperatura limite - provavelmente, ele já estará queimado se chegar nessa temperatura (se o CPU não tiver queimado, é provável que o equipamento esteja em chamas...). Então, a recomendação é fazer as contas com uma margem de 30% em relação ao apresentado pelo fabricante (alguns fabricantes já apresentam os 30% descontados nos valores ou não apresentam limites - neste caso, o limite recomendado é o de 65º). No caso do exemplo hipotético, a conta seria a seguinte: 96° – 30% (28,8) = 67,2ºC. Note que o valor final é um valor bem aproximado dos 65º que comentamos anteriormente.

TEMPERATURAS ALTAS

Se a temperatura estiver próxima ou maior do que o recomendável, não é preciso entrar em pânico. Algumas medidas simples podem resolver o problema. Confira a seguir uma lista de medidas que podem ser seguidas para reduzir a temperatura. Faça cada ação e acompanhe as mudanças de temperatura pelo HWMonitor.


PS: Antes de cada tentativa, você deve zerar o histórico do HWMonitor (View> Clear Min/Max).

Atenção: As ações sublinhadas deverão ser realizadas por profissionais especializados! Não se arrisque, tente apenas os itens mais simples!

  1. Você está usando o notebook no local adequado? O ambiente não está muito quente? Locais acima de 27º ou salas abafadas atrapalham a dissipação do calor.
  2. Está colocando o notebook em local correto? Colocá-lo em cima da cama, sofás ou superfícies não retilíneas atrapalham a troca de ar entre interior/exterior do notebook. Se necessitar usar o notebook nos locais citados, utilize uma base de madeira por baixo do notebook para ajudar na ventilação.
  3. Já verificou as tensões de saída da fonte? Ela pode estar com problemas. Isto pode ser verificado pelo próprio HWMonitor. Caso ele não consiga detectar, olhe no Hardware Monitor do Setup. Caso não haja as especificações das voltagens neste último local, provavelmente sua fonte não tem sensores de voltagem. Neste caso, a opção é abrir o notebook e verificar com um multímetro.
  4. Faz tempo que sua máquina não é aberta? Notebooks acumulam muita sujeira (muita mesma!). A recomendação é que de 4 em 4 meses seja utilizado algum compressor de ar para limpar as peças. Provavelmente, uma grande quantidade de pó sairá do notebook. Cuidado - compressores que não são específicos para eletrônicos podem liberar gotículas de água juntamente com o ar - estes compressores até podem ser usados, desde que, antes de ligar a alimentação, a placa seque no sol por cerca de 5 horas.
  5. Com o notebook aberto, a limpeza dos contatos da memória RAM pode ser feita com uma borracha branca. Em locais com muita fumaça (como as grandes cidades) e em cidades litorâneas, ocorre uma oxidação elevada em metais e a RAM é um dos componentes que mais sofrem com isto.
  6. Solicite a instalação de um resfriador para notebooks ou utilize um equipamento externo para este fim (existem inúmeros modelos no mercado, com custo bem acessível).
  7. Existe ainda a possibilidade de que o equipamento possua algum problema que ocasiona aumento na temperatura e que poderá ser diagnosticado pela assistência técnica.

MONITORES

Os monitores atuais têm uma vida útil relativamente elevada, mas, mesmo assim, é bom se precaver, pois, em notebooks, esta parte do equipamento tem um custo de manutenção especialmente elevado.

  1. Para que apareçam pixels "mortos” o mais tarde possível, a recomendação é de que quando o monitor não estiver sendo usado, o mesmo seja desligado. Se você está ouvindo música, para que deixar uma proteção de tela? Se você está fazendo um download e não está usando o computador, desligue a tela (geralmente todos os notebooks tem algum “botão escondido” que faz essa função, verifique no manual).
  2. Evite deixar os notebooks perto de ímãs, pois eles podem ocasionar manchas na tela (algumas irreversíveis) e diminuem a vida útil do monitor.
  3. Evite deixar a tela com a mesma imagem por muitas horas, pois isto pode manchar permanentemente telas de LCD (é por esse motivo que existe o “Protetor de Tela”).

São pequenas ações como estas que vão fazer a vida útil de seu monitor aumentar alguns meses. Então, se elas são tão simples, por que não fazê-las?

DICAS GERAIS

  1. Evite utilizar o notebook pelo touch pad. Deixe-o somente para momentos de necessidade. Compre um mouse USB que é barato e de fácil reposição. Além de ser mais fácil de usar, você aumentará a vida útil de um componente essencial do seu notebook.
  2. Nunca deixe peso sobre o notebook. Isto pode estragar o monitor, manchando-o com o sinal das teclas.
  3. Não fique tirando e colocando o carregador da bateria. Um dos limites da vida útil da bateria é a quantidade de ciclos suportados.
  4. Muito cuidado: as quedas e solavancos podem estragar a tela e o HD.


Por Amilton Junior

Fonte: http://www.dicasemgeral.xpg.com.br