Fazenda São João - True Type e IDEAGRI comemoram 5 anos de parceria bem sucedida

O IDEAGRI é o sistema de gestão da Fazenda São João desde 2007. Na comemoração dos 5 anos desta frutífera parceria, preparamos um case que relata as etapas do processo de implantação do software na fazenda. O planejamento, a integração de dados econômicos e zootécnicos e a capacitação da equipe foram pontos fundamentais para atingir a excelência nos controles.



A fazenda São João -True Type, localizada no município de Inhaúma, em Minas Gerais, tem como objetivo a produção auto-sustentável de leite com padrão internacional de qualidade. Está entre as 5 maiores produtoras de leite do Brasil.

A True Type foi pioneira no Brasil em montar toda a infra-estrutura antes da chegada do rebanho e o planejamento minucioso foi, desde sempre, uma característica das atividades da empresa.

Imagem
Vista aérea da fazenda na época da construção


A estrutura de gestão necessária para os controles relacionados a um sistema de produção deste porte, o qual engloba produção animal; reprodução; sanidade; manejo agrícola; controle de estoque; gestão econômico-financeira; dentre outros, representou um grande desafio, desde o início das atividades da empresa, no ano de 1994.

No que tange aos sistemas de controle informatizados, os gestores buscaram, no início das atividades, uma solução unificada que se adequasse às necessidades da empresa. Na ocasião, não encontraram um sistema unificado e optaram por soluções mistas que envolviam: dezenas de planilhas de Excel, dois sistemas para gestão de rebanho, um sistema para gestão de estoque, dentre outros.

A inexistência de comunicação entre os sistemas causava a necessidade de lançamento do mesmo dado duas, três ou mais vezes, aumentando o tempo para a obtenção de índices, as possibilidades de erros e os custos com mão-de-obra, ou seja, comprometia a eficiência dos sistemas de controle informatizados como um todo.

Após o início dos trabalhos, houve uma tentativa de migração para outro sistema de controle da produção animal, com o intuito de suprir carências do sistema anterior e procurar comunicação com os equipamentos de ordenha informatizados. No entanto, o processo não foi bem sucedido, pois a migração dos dados do sistema anterior para o proposto foi demasiadamente prolongada, levando à necessidade de lançamento de dados em mais um sistema, o que causou abandono na nova solução proposta.

Imagem
Ordenha Principal



Em 2007, com o lançamento do IDEAGRI, que integra os controles zootécnicos e de gestão econômica e financeira da empresa rural, o processo de evolução dos controles informatizados da fazenda foi iniciado. Um dos maiores segredos do sucesso obtido durante o processo foi o planejamento das etapas necessárias à unificação de dados dos diversos sistemas de controle pré-existentes para o novo controle integrado, obedecendo a cronogramas rígidos, delineados em conjunto com a equipe da fazenda.

Cada etapa do processo de migração/importação foi tratada de forma modular, com grande mobilização de recursos tecnológicos e de recursos humanos em cada etapa, com o principal objetivo de realizar a importação dos dados dos sistemas anteriores de forma rápida e confiável. Isso permitiu que o IDEAGRI fosse rapidamente adotado como o único controle e que os lançamentos repetidos de dados deixassem de existir. Neste processo, a capacitação e motivação da equipe foram fundamentais e receberam especial atenção.

Em linhas gerais, o processo de integração/migração foi realizado em três grandes blocos: rebanho, estoque e gestão econômico-financeira.

Imagem
Vista geral de animais e instalações


O reconhecimento dos resultados positivos alcançados pode ser comprovado pelo depoimento do Gerente da fazenda:

“O sistema é revolucionário para a pecuária. As informações necessárias são obtidas rapidamente e são confiáveis. Assim, é possível melhorar muito a eficiência de trabalho nas fazendas leiteiras. Sem o IDEAGRI, buscávamos informações na fazenda, mas tínhamos dificuldade no levantamento de dados e gastávamos muitas horas de serviço com acompanhamentos paralelos.”

Paulo Henrique Martins Garcia, Médico Veterinário
Fazenda São João/True Type, Inhaúma – MG

Imagem