Hábitos prejudiciais para a carreira

Todos os profissionais cometem pequenos erros que, com os anos, geram um grande prejuízo profissional ou atingem, inclusive, a vida pessoal. Isso acontece, geralmente, por causa dos maus hábitos adquiridos em algum momento da vida e ao longo do tempo ficaram incrustados no dia-a-dia corporativo.

Confira, abaixo, quais são os maus hábitos mais recorrentes e como evitá-los. As dicas são de Luciano Meira, consultor da FranklinCovey Brasil.

Os maus hábitos dentro de uma empresa podem ser divididos em três categorias:

• Comunicação interpessoal
• Gestão do tempo
• Postura no ambiente de trabalho

Mas como evitar esses comportamentos inadequados?

1 - Acerte na comunicação interpessoal

Ouça mais: a comunicação é eficaz quando há um emissor e um receptor. Um dos maiores problemas das organizações é a falta da cultura de ouvir.

– Em uma reunião é necessário deixar o outro se expressar. Pessoas ficam frustradas porque não conseguem ser ouvidas – diz o consultor da FranklinCovey.

Aprenda a usar o e-mail: outro problema é a pouca preparação que as pessoas têm em relação ao uso do e-mail. Resolver conflitos desta forma é um erro.

Apesar de ser uma ferramenta de comunicação, não é possível resolver qualquer problema por ele. A melhor forma de pôr fim a um atrito é conversando pessoalmente com as pessoas.

Outro erro muito comum é o de copiar muitas pessoas na mensagem. Inclua no e-mail apenas aqueles que podem te ajudar a resolver o seu problema. Uma ou duas pessoas, no máximo.

Chefes devem dar mais feedbacks: as pessoas abaixo de você gostam de ouvir diretamente como estão se saindo no trabalho. Mas as empresas não investem na cultura de dar e receber feedbacks, um dos hábitos que precisam ser mais disseminados nas empresas.

2 - Faça da gestão do tempo uma ponte para a qualidade de vida

Não se atrase: um dos piores hábitos dos profissionais brasileiros é a falta de pontualidade. Evite chegar atrasado a eventos, reuniões e cumpra os horários.

Seja eficaz: durante uma reunião, não use celular ou tablets e não navegue pela internet. Aprenda a se concentrar em um único tema.

Evite a procrastinação: enrolar durante o dia e deixar o serviço para ser feito de última hora é um erro. Trabalhar em ritmo de urgência muitas vezes não atrapalha só o procrastinador. Também pode comprometer seu colega. Nem sempre os trabalhos são feitos individualmente.

Atrasar um trabalho porque ficou enrolando até o último minuto é um desrespeito com o tempo dos outros. É preciso usar o tempo dos colegas de forma adequada.

Não deixe a vida “te levar”: programe-se com antecedência. Tenha uma agenda mínima de planejamento do dia, da semana e do mês para ser cumprida. Saber seus compromissos ajuda a evitar a procrastinação. Vale usar metodologias como Getting Things Done e outras para administrar seu tempo.

3 - Boa postura gera bom relacionamento

Evite criar “panelinhas”: essa atitude gera desconforto nas relações sociais.

Resista à fofoca: Se tiver algo contra uma pessoa é preciso falar diretamente a ela. A fofoca destrói as relações de confiança.

Img