Importe dados de diagnósticos reprodutivos a partir de planilhas

Na Rotina 'Diagnóstico Reprodutivo', é possível importar dados para associação a fêmeas previamente cadastradas no Sistema IDEAGRI e em situação para lançamento de resultado de diagnósticos. O processo pode ser feito considerando o número ou o brinco eletrônico do animal. Nesta dica, saiba como preparar a planilha dos dados que permite a importação de informações sobre a data, o resultado e detalhes do diagnóstico, sexo, dias de gestão e, para novas coberturas, o reprodutor e sua raça. 

 


Configuração e preenchimento da planilha: para a realização da importação, é necessário que o arquivo tenha uma disposição de colunas e formatação específicas. Veja o detalhamento dos itens a serem importados e obtenha uma planilha modelo. 

Importação: na Tela ‘Diagnóstico Reprodutivo’, a planilha pode ser importada considerando o número ou brinco eletrônico dos animais.

Análise das inconsistências: durante o processo, o sistema gera um arquivo contemplando as linhas da planilha que não foram importadas em função de incompatibilidades existentes (ver o detalhamento dos itens). Tal arquivo salvo deve ser analisado pelo usuário que deverá ajustar as inconsistências e repetir o processo. 



CONFIGURAÇÃO / PREENCHIMENTO

Para que o arquivo seja importado, os dados devem ser organizados em planilha com colunas específicas, como ilustrado a seguir:

A tabela abaixo contempla o detalhamento dos dados a serem inseridos nas células das colunas da planilha. Para reailzar o preenchimento dos dados, basta inserir as informações na planilha e salvar o arquivo no formato CSV (separado por vírgulas).

COLUNADETALHAMENTO
Número / Brinco eletrônico

A importação dos dados pode ser realizada pelo número do animal OU pelo brinco eletrônico.

DICA: a opção desejada será conforme a seleção na Tela ‘Diagnóstico Reprodutivo’: CSV por número OU CSV por brinco eletrônico.

Data

Data da realização do diagnóstico de gestação. Na planilha, as células devem estar configuradas para o Formato ‘DATA’.

DICA: exemplos: 01/01/2016 ou 01/01/16.

Diagnóstico

Resultado do diagnóstico. VALORES POSSÍVEIS: 'P', 'Prenhe', 'Prenha', 'N', 'Negativo', 'Vazia'.

DICA: letras maiúsculas e minúsculas, bem como a utilização de acentos não interferem na identificação do termo.

Sexo

Identificação do sexo no ultrassom. VALORES POSSÍVEIS: 'F', 'Fêmea', 'Feminino', 'M', 'Macho', 'Masculino'.

DICA: letras maiúsculas e minúsculas, bem como a utilização de acentos não interferem na identificação do termo.

Complemento

Complemento do diagnóstico de gestação, ou seja, dados sobre retoque (T) e reconfirmação (C). VALORES POSSÍVEIS: 'T', 'Retoque', 'C', 'Reconfirmada', 'Reconfirmação'.

DICA: letras maiúsculas e minúsculas, bem como a utilização de acentos não interferem na identificação do termo.

ATENÇÃO:somente é possível informar a Opção RECONFIRMADA, caso exista um lançamento de retoque anterior.

Dias

Dias de gestação. Somente preencha a quantidade de dias de gestação quando os dias de prenhez da matriz for diferente do período de gestação de acordo com a última tentativa do animal. Caso contrário, deixe esse campo vazio e ele será automaticamente preenchido na tela, pelo sistema.

Reprodutor

Este campo deverá ser preenchido no caso da necessidade de criação de uma nova cobertura (existindo a alteração dos dias, para menos).

ATENÇÃO: O reprodutor deve ser SEMPRE informado pelo cadastro que consta no Campo 'Numero' (Tela 'Animal'), conforme destacado na imagem abaixo. Isto é, seja um número ou o nome do reprodutor, para que a importação ocorra, na planila deverá constar o mesmo preenchimento do referido campo do cadastro do reprodutor. 

Raça

Raça informada para a criação de uma cobertura, caso o reprodutor não tenha sido informado.

ATENÇÃO:A raça deve ser informada pela sua SIGLA.


IMPORTAÇÃO

Para importar dos dados, acesse o Menu REPRODUÇÃO, Botão DIAGNÓSTICO REPRODUTIVO.

menu-reproducao.jpgseta.pngdiagnostico-reprodutivo.jpg

Depois, selecione o setor dos animais no Campo SETOR

A importação é realizada pelo Botão APLICAR, selecionado uma das modalidades de importação: CSV por número ou CSV por brinco eletrônico.

Após selecionar a modalidade de importação desejada, localize o local onde o arquivo csv foi salvo.

1. Selecione a pasta ou o local onde a planilha foi salva.

2. Selecione a planilha formatada (o arquivo deve estar fechado para realizar a importação).

3. Com o arquivo selecionado, clique em ABRIR.

 

Os dados serão carregados na tela:


ANÁLISE DAS INCONSISTÊNCIAS

Caso algum campo seja informado com valores inválidos na planilha em CSV (com a exceção da data, que será somente ignorada), o sistema gerará um relatório de inconsistências, para posterior conferência dos animais que não puderam ser importados. Neste caso, salve a planilha em um local de sua preferência, para análise posterior.

O processo de importação continuará normalmente, com os animais encontrados e compatíveis com a configuração. Sendo possível, inclusive a edição do grid conforme explicado no item anterior. 

Ao final do processo, clique em Gravar e os dados serão registrados. Lembre-se de checar, posteriormente, os registros que não foram importados.