Nunca é tarde para aprender. O que são redes sociais?

Não há dúvidas de que a internet facilitou as relações pessoais e o fluxo de informações entre redes de interesses comuns. Amigos de longa data se reencontraram com o advento do Orkut, que também ajudou na formação de novos grupos a partir de gostos similares, conectando pessoas e facilitando a comunicação entre elas através de perfis e fóruns de d ebate.


Estas interações possibilitaram a criação de redes sociais na internet, hoje impulsionadas por diversos sites e ferramentas exclusivos para este fim. Você certamente já utilizou alguns deles, mesmo sem saber a definição exata de uma rede social: Orkut, MySpace, Facebook, Twitter, blogs e fotologs, entre muitos outros. Embora estes últimos sejam casos onde originalmente a comunicação se dava apenas entre emissor e leitores, hoje há a possibilidade de fazer conexões com a lista de amigos/leitores, comentar, etc, enfim, criar vínculos sociais.


O gosto do brasileiro pelas redes sociais é crescente e antigo. Uma pesquisa da Nielsen Digital divulgada em maio pela Google Brasil revelou que há aproximadamente 25 milhões de usuários do Orkut no país, um verdadeiro fenômeno mundial. Os brasileiros tomaram de assalto as comunidades e nem mesmo a popularização de outras redes como o Facebook tirou o reinado do Orkut.


Além disso, 3/4 dos internautas brasileiros acessam o site mensalmente, totalizando uma média mensal de seis horas e 40 minutos, muito maior do que os 11 minutos de acesso médio por mês ao Facebook.


De acordo com números levantados pelo Google, 57% dos usuários brasileiros de internet acessam redes sociais diariamente, média acima da mundial que chega a 31%. Na Índia, os números estão em 41% e nos Estados Unidos, o total é de 33%.


Em número de visitas por usuário no Brasil, as redes sociais ficam classificadas assim:

* 24,5 visitas/mês- Orkut
* 3,6 visitas/mês- Fotolog
* 3,4 visitas/mês- Twitter
* 3,3 visitas/mês- Sonico
* 2,5 visitas/mês- Facebook

Aprendizado em rede social


Outros tipos de comunidade que vêm crescendo são as redes sociais dedicadas à aprendizagem de novos idiomas. O contato com internautas de todo o mundo facilita a compreensão das línguas e as ferramentas disponíveis como fóruns, chats e atividades interativas aceleram o processo de aprendizado. O Livemocha e o Italki são dois bons exemplos.


Confira aqui uma lista com as redes sociais espalhadas por todo o mundo e o perfil de seus usuários.

PV152001A.gif

Fonte: http://www.igeduca.com.br