Produção de leite brasileira teve aumento de 4,5% em 2011

O Brasil é um grande produtor de leite e sua produção vem crescendo substancialmente nos últimos anos. Segundo as últimas estatísticas do IBGE, a produção de leite teve aumento de 4,5% entre 2010 e 2011. Ou seja, no ano passado foram produzidos 32,1 bilhões de litros de leite no País, aproximadamente 1,4 bilhão de litros a mais que em 2010. Se a taxa de crescimento da produção se mantiver em 4,5% ao ano, o Brasil vai fechar 2012 com 33,5 bilhões de litros de leite produzidos (Figura 1).

Imagem


Pela Figura 1, pode-se observar que nos últimos oito anos, a produção de leite aumentou 37%, passando de 23,5 bilhões de litros produzidos em 2004 para 32,1 bilhões de litros em 2011. Isso equivale a um aumento anual médio de 4,7%. Este aumento no volume de produção de leite mantém o Brasil entre os cinco países com maior produção de leite no mundo que, segundo os dados da FAO, são: Estados Unidos, Índia, China e Rússia.

No País, a maior produção de leite continua ocorrendo em Minas Gerais, que representa 27,3% da produção nacional. Em segundo lugar, aparece o Rio Grande do Sul, com 12,1% da oferta de leite no Brasil, seguido pelo Paraná (11,9%) e por Goiás (10,9%). No entanto, as variações percentuais na produção de leite entre 2010 e 2011 foram bem discrepantes entre os estados, conforme pode ser visualizado na Figura 2.

Imagem


Na Figura 2 pode-se observar que as maiores taxas de crescimento da produção de leite de vaca ocorreram em Goiás (9,0%), Rio Grande do Sul (6,8%), Paraná (6,2%) e Minas Gerais (4,4%). Por outro lado, houve redução da produção em alguns estados, como a de 12,0% em Rondônia e 4,6% na Bahia, além da quase estabilidade paulista.

No entanto, em termos de volume de leite produzido a mais em 2011, os destaques foram: Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina, que juntos introduziram R$ 1,3 bilhões de litros no mercado, ou seja, 92,7% do aumento da produção brasileira em 2011. Com isso, os estados que tiveram a maior geração de renda com o leite em 2011 foram, nesta ordem: Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Goiás, Santa Catarina e São Paulo. Em Minas Gerais, o valor bruto da produção de leite em 2011 foi de R$ 6,9 bilhões, o que representa quase o dobro do valor gerado no Centro-Oeste, mais do que o dobro do valor da produção no Nordeste e mais de seis vezes a renda produzida pelo leite no Norte.

Autores:
Marielli Cristina de Pinho – Estudante de Ciências Econômicas da UFJF
Kennya Beatriz Siqueira – Pesquisadora da Embrapa Gado de Leite
Eduardo da Silva Mercês – Estudante de Ciências Econômicas da UFJF

Fonte: Panorama do Leite (www.cileite.com.br)