Técnicos do Leite Ceará recebem treinamento IDEAGRI

Na última semana de fevereiro, mais uma importante etapa do programa Leite Ceará foi cumprida. Como parte do plano de capacitação da equipe técnica, os profissionais foram treinados para o uso do software IDEAGRI, destinado ao monitoramento do rebanho, ao acompanhamento de custos de produção de leite e à gestão de índices.

Até o final de 2014, o programa Leite Ceará atenderá 780 produtores, os quais serão assistidos por uma equipe de 64 profissionais de campo. Para 2015 esses números deverão dobrar. Diante da magnitude do programa, torna-se imprescindível a utilização de ferramentas de gestão que permitam o acompanhamento em tempo real dos índices de desempenho, seja nas propriedades rurais, através dos monitoramento do rebanho e custo de produção de leite, seja pelo acompanhamento das metas e indicadores do programa, neste caso, a ser realizado pelos gestores do programa.

Segundo Raimundo Reis, integrante da gerência executiva do programa, seria impossível acompanhar, quase em tempo real, todas as ações realizadas, utilizando-se medida de desempenho, com qualidade e eficiência, sem que houvesse a utilização de um sistema informatizado que contemplasse a nossa necessidade. “Desde o início da formatação do programa, enfatizamos a necessidade de acompanharmos e medirmos os resultados do trabalho. É importante termos essas informações sob domínio, para que, assim, possamos avaliar os esforços realizados e corrigirmos possíveis erros, além de munirmos os nossos parceiros e financiadores sobre o impacto das ações”, informa Reginaldo Lobo, diretor de agronegócios da ADECE e coordenador do Programa Leite Ceará.

De acordo com a metodologia estabelecida pela gerência executiva, os técnicos de campo realizarão os controles zootécnicos e de custos de produção de leite de todas as fazendas assistidas. Os técnicos em agropecuária serão os responsáveis pelo lançamento dos dados, porém, tanto o produtor, como o zootecnista e veterinário, além da gerência executiva, terão acesso para acompanhar os dados e resultados de cada fazenda. “A informação será grande aliada na gestão do programa, afirma Reis”.

A utilização de serviços informatizados são essenciais para uma boa gestão, seja para uma empresa, para um projeto ou mesmo para um programa, como é o caso do Leite Ceará, ressalta Heloise Duarte, diretora do IDEAGRI.

lc


lc